Palestra: Cinemas pós-coloniais: o caso do cinema afrodescendente produzido em Portugal

25 de setembro de 2019
O Programa de Pós-Graduação em Comunicação da UFC (PPGCOM-UFC) recebe a professora Michelle Sales para discutir as produções cinematográficas afrodescendentes em Portugal. A palestra é aberta ao público e acontece no próximo dia 07 de outubro de 2019.
Resumo: A representação do negro no cinema português e a relação de muitos realizadores em Portugal com temáticas pós-coloniais não é recente. Nomes como Pedro Costa, Margarida Cardoso, Filipa César, entre outros têm sua trajetória artística intrinsecamente vinculada à “Africa lusófona”. Entretanto, interessa-nos pensar a forma com a qual realizadores portugueses afrodescendentes despontam no campo do cinema português propondo novas dinâmicas de produção e circulação de imagens, novos regimes de visibilidade, além de temas voltados para a diáspora africana e para a questão pós-colonial, transpondo o lugar da representação para auto-etnografia (Maréchal,2010) a partir de um olhar que propõe a descolonização dos corpos e das vidas negras. Surgem, em Portugal nos últimos anos, realizadoras negras que têm produzido potentes imagens capazes de discutir não apenas a memória colonial, o resgate da ancestralidade negra, como a representação da mulher e da sexualidade. A análise desta comunicação recairá sobre o trabalho das realizadoras Lolo Arziki, Monica de Miranda e Vanessa Fernandes.

Palestrante: Michelle Sales é curadora independente, professora adjunta da da Escola de Belas Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro e Investigadora Integrada do Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX, da Universidade de Coimbra. Coordenadora o grupo de trabalho “Cinemas pós-coloniais e periféricos” na SOCINE (BR) e na AIM (PT) e é Coordenadora Científica do projeto ” À margem do cinema português: estudo sobre o cinema afrodescendente produzido em Portugal” financiado pela Fundação Calouste Gulbenkian.

Serviço: Palestra Cinemas pós-coloniais: o caso do cinema afrodescendente produzido em Portugal 
Data: 07 de outubro de 2019
Horário: 10h
Local: Sala Audiovisual D (CH2 UFC – Av. da Universidade, 2762)
Aberto ao público.