Área do cabeçalho
gov.br
Portal da UFC Acesso a informação da UFC Ouvidoria Conteúdo disponível em: Português

Universidade Federal do Ceará
Programa de Pós-Graduação em Comunicação

Área do conteúdo

Grupo de pesquisa da UFPR realiza ciclo de conversas gratuito sobre ativismo digital

Data de publicação: 14 de setembro de 2022. Categoria: Notícias

Evento é promovido pelo Compa e será transmitido online durante os meses de setembro e novembro

O grupo de pesquisa Comunicação e Participação Política (Compa), da UFPR, vai realizar a partir do dia 16 de setembro, de forma online, um ciclo de conversas sobre ativismo digital no Brasil e na América Latina. Até o final de novembro serão cinco encontros com pesquisadores e o objetivo do evento é conversar sobre temas que pautam a política, como feminismo, raça, eleições 2022, religião e meio ambiente. A ideia é propor uma discussão que reflita sobre os caminhos, os avanços e os desafios da comunicação digital em tempos de eleição.

“O ativismo é uma prática política corriqueira. Muitas pessoas se organizam em grupos buscando redistribuição de recursos, reconhecimento e representação política. Por isso, entendemos que neste momento de campanha eleitoral, é fundamental que a gente entenda de que forma esse ativismo se relaciona com contextos mais específicos. Qualificar o debate em torno dessa questão permite que os grupos e a sociedade abram o horizonte de possibilidades dentro do debate público”, conta Kelly Prudencio, professora e fundadora do Compa.

O evento, organizado por estudantes de pós-graduação e pesquisadores do Compa, contará sempre com a presença de um professor e de alunos do grupo, além da participação de convidados de outras universidades do Brasil e de outros países. O primeiro encontro, que discutirá a internet e o ativismo religioso, terá a presença do professor da UFMG e doutor em Comunicação Política Camilo de Oliveira AggioAinda, entre os convidados, estão a professora Claudia Anzorena da Argentina, que debaterá a questão do feminismo e dos direitos reprodutivos das mulheres. “A formação de redes entre grupos de pesquisa nacionais e internacionais é constituinte do campo científico e faz parte da história do Compa. Em um momento tão importante no cenário político brasileiro, resolvemos articular essas redes em um formato que divulga nossas pesquisas para além dos espaços acadêmicos”, conta a professora Carla Rizzotto, que é uma das professoras pesquisadoras do Compa e que fará parte do debate com a professora da Argentina.

Também entre os convidados estão a professora da UnB e doutora em Ciência Política Marisa von Bülow, que vai trazer a questão da polaridade entre esquerda e direita nas redes sociais, Cristiano Rodrigues, doutor em Sociologia e professor da UFMG que vai falar sobre racismo algorítmico e  Rosane Albino Steinbrenner, doutora em desenvolvimento socioambiental e professora da UFPA, que vai falar sobre como as plataformas online podem fazer pelo ativismo ambiental. “O que a gente quer também é mostrar que existem algumas contradições dentro das áreas que serão debatidas, limites que precisam ser conhecidos para que a gente possa compreender essa realidade e das indicações de como ela pode ser transformada. Então vai ser um debate que vai mostrar o que tem e o que não tem dado certo nas ações desses ativistas nos ambientes digitais”, explica Kelly.

A transmissão do evento será realizada pelo canal do Youtube do Compa, e fornecerá certificado de extensão para os participantes, que deverão realizar a inscrição por meio de formulário. As datas podem estar sujeitas a alterações em decorrência das agendas dos convidados. Por isso, acompanhe as redes do Compa para mais informações.

Programação

 

16 de setembro – 19h

Culto por streaming e dízimo em PIX: quando a internet atravessa o ativismo religioso

Prof. Maurício Liesen (UFPR/UEPG)

Prof. Camilo de Oliveira Aggio (UFMG)

Mediação: Louize Nascimento (UFPR)

27 de setembro – terça-feira – 19h

Feminismo e direitos reprodutivos entre rua, imprensa e universidade

Profª Carla Rizzotto (UFPR)

Profª Claudia Anzorena (Uncuyo/Argentina)

Mediação: Luciane Leopoldo Belin (UFPR)

17 de outubro – 19h

Direita e Esquerda: cabo de guerra em redes digitais

Prof. Rafael Cardoso Sampaio (UFPR)

Profª Marisa von Bülow (UnB)

Mediação: Nilton Kleina (UFPR)

 

27 de outubro | 19h

Redes e raça: desafios do ativismo negro em tempos de racismo algorítmico

Profª Kelly Prudencio (UFPR)

Prof. Cristiano Rodrigues (UFMG)

Mediação: Djiovanni Jonas França Marioto (UFPR)

17 de novembro | 19h

Devastação digital: o que as plataformas online podem fazer pelo ativismo ambiental?

Profª Kelly Prudencio (UFPR)

Profª Rosane Albino Steinbrenner (UFPA)

Mediação: Helen Anacleto (UFPR)

 

Acessar Ir para o topo